Indicadores estratégicos: quais são, exemplos e como usar

Indicadores estratégicos: quais são, exemplos e como usar

Como o nome já diz, os indicadores estratégicos indicam se a empresa está no rumo certo, ou seja, está atingindo os seus objetivos definidos no planejamento estratégico.

Mas como selecionar os indicadores mais apropriados? E uma vez selecionados, como utilizá-los de forma eficaz para aprimorar a tomada de decisões?

Neste artigo, vamos falar tudo sobre indicadores estratégicos. Continue a leitura e confira:

  • O que são indicadores estratégicos?
  • Conheça os tipos de indicadores
  • Qual a relação entre indicadores estratégicos e planejamento estratégico?
  • Como os KPIs são usados para identificar estratégias bem-sucedidas?
  • C fazer ajustes quando necessário?
  • Exemplos de indicadores estratégicos por setor
  • Como monitorar os indicadores estratégicos com o Scopi?

O que são indicadores estratégicos?

Como dito anteriormente, os indicados estratégicos, ou KPIs estratégicos, servem para analisar se uma empresa está atingindo os seus objetivos.

Eles podem ser apresentados em diversas unidades de medida, como por exemplo, quantidade, percentual, valor monetário, coeficiente, e, normalmente, tem um coordenador e responsáveis.

Conheça os tipos de indicadores

Na hora de definir os indicadores de desempenho do seu negócio, eles podem ser divididos em três tipos::

  • Primários ou estratégicos: são aqueles acompanhados por diretores ou c-levels e mostram de forma rápida se os objetivos definidos estão sendo atingidos;
  • Secundários ou táticos: usados pelos líderes de setores, reforçam os primários e mostram se as ações estão no caminho certo;
  • Práticos ou operacionais: acompanhados pelos especialistas de cada área, desdobram em detalhes os resultados primários e secundários.

Tipos de indicadores estratégicos

Qual a relação entre indicadores estratégicos e planejamento estratégico?

Os indicadores estratégicos são fundamentais no planejamento estratégico de uma empresa. Afinal, como já dito anteriormente, eles servem para orientar as ações rumo aos objetivos do negócio.

Funciona assim: com o planejamento estratégico são estabelecidos os objetivos estratégicos principais da organização, e em seguida são listadas as metas a serem atingidas em cada objetivo. Por fim, são atribuídos indicadores que servem para medir se a empresa está no caminho certo para atingir seus objetivos.

Portanto, o uso de KPIs estratégicos beneficia na execução eficaz do planejamento estratégico das seguintes formas: 

  • Mensuração e acompanhamento do crescimento da empresa;
  • Identificação das estratégias que estão sendo bem sucedidas, permitindo assim que ajustes sejam realizados quando necessário;
  • Acompanhamento das finanças do negócio e progressão da lucratividade;
  • Tomada de decisões mais assertivas. 

– Leia também: Gestão de indicadores: entenda o que é e aprenda a acompanhar os KPIs do seu projeto

Como os KPIs são usados para identificar estratégias bem-sucedidas?

Se sua empresa deseja utilizar os indicadores estratégicos para identificar estratégias bem sucedidas, tenha em mente os seguintes pontos:

  • Estabelecimento de objetivos claros: Antes de iniciar qualquer campanha ou estratégia, é crucial definir objetivos claros e mensuráveis. Esses objetivos podem incluir aumento de tráfego, geração de leads, aumento na taxa de conversão, etc;
  • Seleção de KPIs relevantes: Escolha KPIs que estejam diretamente relacionados aos seus objetivos. Por exemplo, se o objetivo é aumentar o tráfego do site, um KPI relevante seria o número de visitas ou pageviews;
  • Monitoramento contínuo: Use ferramentas analíticas para acompanhar os KPIs em tempo real ou em intervalos programados;
  • Análise comparativa: Compare o desempenho atual com benchmarks do setor ou com dados históricos para entender se uma estratégia está funcionando como esperado;
  • Identificação de padrões e tendências: O acompanhamento de KPIs ao longo do tempo permite que você identifique padrões e tendências que indicam sucesso ou necessidade de ajuste.

Como os KPIs são utilizados para fazer ajustes quando necessário?

Agora, quando o objetivo for fazer ajustes de estratégia, o uso dos KPIs pode contribuir das seguintes formas:

  • Diagnóstico rápido: KPIs fornecem insights quase instantâneos sobre o que está ou não está funcionando. Isso permite fazer ajustes rápidos para evitar desperdício de recursos;
  • Teste A/B: Se um KPI não está atingindo a meta, o teste A/B pode ser uma excelente forma de entender quais elementos precisam de ajuste. Por exemplo, você pode testar diferentes CTA’s, imagens ou textos em anúncios de tráfego pago;
  • Alocação de recursos: Os KPIs podem indicar onde seus investimentos estão gerando o maior ROI, permitindo que você aloque recursos de forma mais eficiente;
  • Feedback loop: Use os KPIs para criar um loop de feedback contínuo com sua equipe multidisciplinar. Isso envolve a revisão regular dos dados, a implementação de melhorias e a reavaliação;
  • Treinamento e desenvolvimento: Os KPIs podem também ajudar a identificar áreas onde treinamento adicional ou desenvolvimento de habilidades são necessários.

– Leia também: Árvore de Indicadores: confira um guia completo sobre a ferramenta

Banner para o Infográfico 7 etapas do planejamento estratégico

Exemplos de indicadores estratégicos por setor

Cada um desses KPIs estratégicos indicados abaixo serve como uma lente estratégica para entender diferentes aspectos de um negócio, mas é fundamental integrá-los em um quadro mais amplo para decisões mais informadas.

Veja abaixo alguns exemplos de KPIs que podem ser implementados em sua empresa:

Financeiro: Customer Lifetime Value (CLV)

  • Avalia o retorno sobre o investimento feito em cada cliente ao longo do tempo;
  • Complementar a outros indicadores como taxa de conversão para uma análise completa.

Recursos Humanos: Taxa de Turnover

  • Mede a eficácia do recrutamento e onboarding através da rotatividade de funcionários;
  • Indicador sensível a estratégias de imersão e retenção de colaboradores.

Clientes: Custo de Aquisição de Clientes (CAC)

  • Calcula o investimento necessário para adquirir um novo cliente;
  • Um CAC elevado pode indicar um ROI negativo e exigir ajustes em estratégias de marketing e vendas.

Como monitorar os indicadores estratégicos com o Scopi?

A vantagem que os KPIs trazem é de poder transformar números soltos em conhecimentos para o negócio. Com a transformação digital, surgiram no mercado ferramentas para analisar os indicadores estratégicos, o que facilita a vida das mais diversas áreas e segmentos.

Softwares de planejamento estratégico como o Scopi apresentam o monitoramento em tempo real, o andamento e a evolução de diferentes demandas e projetos.

A nossa plataforma possui uma área de indicadores de desempenho customizável e permite cadastrar todos os KPIs de um negócio, analisar e emitir relatórios.

Os indicadores-chave apurados pela plataforma são ideais para apresentar em reuniões de demonstração de resultados, compartilhar com a equipe, gerar insights para otimizações na empresa, entre muitas outras atividades.

Além de facilitar a vida do gestor, é também uma ferramenta exata, que reduz erros humanos com análises manuais e pouco precisas.

Indicadores estratégicos no Scopi

Isso sem falar que todas as informações ficam armazenadas na plataforma de maneira integrada e centralizada. Se outros gerentes de projetos quiserem acessar esses dados, basta fazer login e conferir os resultados obtidos.

Listamos alguns recursos do software:

1. Diagnóstico estratégico

Aponte quais fatores internos e externos afetam o sucesso do seu negócio, utilizando ferramentas como o SWOT, GUT, PESTALE, CURVA DE VALOR E ISHIKAWA. Planeje ações para reduzir fraquezas e ameaças, aproveitar oportunidades e, também, mitigar riscos.

2. Definição de seus objetivos estratégicos

Através de ferramentas como BSC, OKR, entre outras, defina seus objetivos estratégicos. O Scopi mostra por meio de dashboards o desempenho de cada objetivo com base nas metas e projetos relacionados.

– Leia também: OKR e KPI: entenda as principais diferenças entre os conceitos

3. Crie e monitore indicadores e metas

Crie indicadores e metas e distribua aos responsáveis. Caso uma meta não esteja sendo atingida, crie o FCA (Fato-Causa-Ação). O Scopi mostra, através de painéis e gráficos, se as metas estão ou não sendo atingidas e permite também fazer simulações.

Faça uma demonstração gratuita em nossa plataforma e alcance melhores resultados em seu negócio.

– Leia também: Planilha de indicadores no Excel: saiba como fazer e conheça outra ferramenta mais eficiente

Banner para demonstração gratuita do Scopi

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *